O que é e como funciona a CNH digital?

Você já ouviu falar na Carteira Nacional de Habilitação Digital (CNH-e)? Ela começou a valer a partir de fevereiro de 2018. No entanto, ainda é novidade para grande parte da população. Ela já está sendo utilizada em todo o Brasil, tendo mais adesão nos estados de Goiás e Rio Grande do Sul.

Isso acontece porque algumas pessoas (principalmente as de mais idade) ficam receosas ou apresentam certa resistência às novas tecnologias. Você também é uma delas ou já está utilizando esse documento?

Por isso, elaboramos este conteúdo: com ele vamos tirar as suas principais dúvidas com relação à CNH-e. Vamos lá?

A CNH-e tem o mesmo valor da carteira impressa?

Sim. Inclusive ela tem exatamente os mesmos dados (incluindo QR Code e foto). Para acessá-la, basta baixar o aplicativo do Departamento Nacional de Trânsito — que está disponível de forma gratuita na Google Play e no App Store (falaremos mais sobre isso na sequência). O documento digital é válido em todo o território nacional. Além disso, recentemente ele foi aprovado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para ser utilizado em suporte eletrônico para check-in em voos domésticos.

Por que usar a CNH digital?

A CNH digital é uma ótima alternativa principalmente para quem costuma esquecer a carteira em casa. Ela traz mais mobilidade e praticidade ao dia a dia, afinal, dificilmente encontramos uma pessoa que não tenha um aparelho de celular, correto? 

Além do mais, precisamos considerar que as pessoas estão cada dia mais conectadas, utilizando aplicativos e ferramentas digitais para otimizar o dia a dia. E a carteira digital é uma delas! Além disso, ela é gratuita. Interessante, não é mesmo? 

Como funciona a CNH digital?

Ela funciona da mesma maneira que a sua CNH impressa. Assim, se você for parado em uma blitz, pode apresentá-la à autoridade presente. Sendo assim, o motorista tem duas opções: apresentar a sua CNH digital ou o documento em papel.

Quais são os cuidados com a CNH digital?

É preciso ter alguns cuidados com a sua CNH digital. O principal deles é que o seu celular deve ter bateria — por isso, fique sempre alerta quando a carga estiver baixa.

Você não precisa se preocupar em ter acesso à internet no momento da consulta, afinal, a CNH digital pode ser acessada de forma off-line.

Vale ressaltar que se o celular ficar sem bateria e você não estiver com a sua CNH impressa, pode ser multado. Afinal, a CNH é um documento de porte obrigatório. Portanto, se o dispositivo móvel não tiver carga é a mesma coisa que não portar o documento.

Qual é a multa por dirigir sem a Carteira de Habilitação Digital ou Física?

Não carregar consigo o documento obrigatório é uma infração leve. A multa é de R$ 88,38 e você leva três pontos na carteira. Porém, se você estiver sozinho ou nenhum dos caroneiros tiverem a carteira de habilitação, o veículo é retido no local até que outro motorista habilitado possa conduzir o carro.

Para que serve o QR Code no verso da CNH?

Se você renovou ou tirou a sua carteira depois de 2 de maio de 2017, no verso dela vai encontrar um código QR Code. Ele serve para apresentar ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) os seus dados. 

Assim, quando ele é escaneado por uma câmera, o policial tem acesso a todas as informações que precisa. Além disso, ele serve para evitar fraudes no processo da emissão do documento digital.

A habilitação digital vai substituir a física?

Por hora, não. Por enquanto, não há ideias para que o documento não seja mais emitido em papel. Afinal, a CNH impressa é essencial tanto para emitir quanto para validar a versão eletrônica. Então, a habilitação digital complementa a física. 

O que acontece se roubarem o meu celular com o aplicativo da carteira digital?

Você pode ficar bem tranquilo com relação aos seus dados no aplicativo. A CHN digital é bem segura, pois os dados do condutor são criptografados. Isso significa que é preciso digitar o PIN cadastrado para ter acesso ao documento.

Além disso, se roubarem o seu celular você pode entrar no site do Denatran e bloquear a sua CNH digital. Depois que recuperar o celular (ou o número), basta entrar novamente no portal e desbloquear a carteira. Caso mude de número, é só procurar um Detran para cadastrá-lo novamente.

Posso pedir a CNH Digital sem ter a CNH com o QR Code?

Não. Você precisa ter uma nova CNH. A opção é aguardar a renovação, no prazo que está na sua carteira — ela virá com o QR Code. Ou você pode procurar um Detran e solicitar um pedido de renovação. Nesse caso, é preciso pagar a taxa de R$ 42,42.

Como emitir a Carteira Nacional de Habilitação Digital?

Para emitir a sua CNH digital, basta seguir os seguintes passos:

  1. baixar o app da Carteira Digital de Trânsito (CDT);
  2. cadastrar as informações solicitadas;
  3. ativar o cadastro no link “ativar”, ao receber um e-mail de confirmação;
  4. logar no app e adicionar documento;
  5. selecionar a opção “pelo celular”, depois “com certificado digital”;
  6. utilizar a câmera do seu celular para ler o QR Code da sua CNH física;
  7. fazer a prova de vida (movimento reconhecido pela câmera do celular). O teste pede para fazer alguns movimentos como piscar os olhos etc;
  8. informar o número do seu celular.

Você deve criar uma senha de 4 dígitos. Assim, toda vez que for consultar o seu documento virtual, será solicitada a senha.

Gostou de aprender mais sobre como funciona a Carteira Digital? Agora, conte para nós: você já solicitou a sua? O que acha dessa tecnologia?

Por |2020-07-30T10:59:31-03:0022 de julho De 2020|Categorias: Sem categoria|0 Comentários

Deixe um comentário!