Guia do IPVA 2021 PR: tudo o que você precisa saber

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é cobrado de forma anual pelos governos estaduais. Além disso, ele foi instituído com o objetivo de substituir a Taxa Rodoviária Única (TRU), em 1986, a qual era associada a gastos com o sistema de transporte. Nesse aspecto, questionamos: você sabe tudo sobre o IPVA 2021 PR? Quando e onde pagar? Para onde vai o seu dinheiro?

Por mais que possa parecer um assunto simples, sempre é importante nos atentarmos aos prazos e ao que pode acontecer caso o pagamento não seja feito. Por conta disso, para que você não fique inadimplente, continue conosco e saiba tudo sobre o IPVA 2021 PR. Vamos lá?

Quais são os prazos de pagamento?

Os prazos de pagamento do IPVA 2021 PR podem ser consultados nas tabelas abaixo, que foram retiradas da Secretaria da Fazenda do Paraná. Confira!

Pagamento à vista, com bonificação de 3%:

Placas finaisPrazo de pagamento
1 e 225/01/2021
3 e 426/01/2021
5 e 627/01/2021
7 e 828/01/2021
9 e 029/01/2021

Pagamento de forma parcelada: não há bonificação e o pagamento pode ser realizado em até cinco parcelas (janeiro a maio de 2021): 

Placas finais1ª parcela2ª parcela3ª parcela4ª parcela5ª parcela
1 e 225/01/202118/02/202118/03/202119/04/202118/05/2021
3 e 426/01/202119/02/202119/03/202120/04/202119/05/2021
5 e 627/01/202122/02/202122/03/202122/04/202120/05/2021
7 e 828/01/202123/02/202123/03/202123/04/202121/05/2021
9 e 029/01/202124/02/202124/03/202126/04/202124/05/2021

Como pagar o IPVA 2021 PR?

A novidade para 2021 é que o pagamento pode ser realizado em 5 parcelas mensais, com vencimentos em janeiro, fevereiro, março, abril e maio. Além disso, o contribuinte pode contar com 3% de desconto, caso o pagamento seja realizado em parcela única.

Porém, fique atento! Os contribuintes, assim como no ano de 2020, não recebem o boleto em suas casas, nem qualquer outro tipo de correspondência. Para que seja possível emitir a guia de pagamento, acesse o site da Sefaz PR. Tenha em mãos o número do seu Renavam, o qual está contido no Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV). 

Como é feito o pagamento IPVA 2021 PR?

As duas formas de realizar o pagamento do IPVA 2021 PR, caso o valor seja de, pelo menos, R$150,00 é em parcela única ou dividido em até 3 vezes. Vale ressaltar, no entanto, que o pagamento à vista recebe um desconto, se o mesmo for pago dentro do prazo estabelecido pela Secretaria da Fazenda do Paraná, como visto anteriormente.

O IPVA pode ser pago nas agências autorizadas pelo Detran PR, como:

  • Santander;
  • Itaú;
  • Sicredi; e
  • Bradesco. 

Para isso, basta comparecer à agência com o código Renavam ou com a guia de recolhimento — que pode ser baixada diretamente do site do Detran PR.

Uma outra alternativa é realizar o pagamento do IPVA 2021 PR pelo internet banking ou por meio do aplicativo do seu banco. Essa é a forma mais prática e ágil de estar em dia com esse imposto, não acha? 

Além disso, os veículos que possuem débitos anteriores podem ser quitados com o IPVA 2021 PR e, também, parcelado em até dez vezes. Mas lembre-se: o IPVA 2021 PR não pode ser pago com cheques. 

Como funciona a isenção do IPVA 2021 PR?

Essa é uma dúvida bastante comum, no entanto, existem algumas formas de solicitar a isenção do IPVA 2021 PR. Para isso, é necessário que o seu caso esteja enquadrado em alguma especificidade elencada abaixo. Confira: 

  • indivíduos que tenham alguma deficiência ou redução na mobilidade física;
  • pessoas que tiveram seu carro furtado;
  • automóveis que possuem mais de 20 anos de fabricação (esse item é específico para os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, Acre e Alagoas);
  • automóveis de transporte de escolares (porém, é necessário entrar em contato com a Secretaria da Fazenda para confirmar se abrange o seu estado);
  • veículos em função do poder público (viaturas, ônibus, ambulâncias etc.).

 Para conferir todas as regras para solicitar isenção do IPVA 2021 PR, acesse o site da Sefaz PR e obtenha mais informações.

Pedido de isenção negado

Caso você solicite a isenção e o seu pedido seja negado, é possível, sim, recorrer. Seja por quaisquer razões (como a desvalorização do veículo com o passar do tempo, por exemplo_ e você não concordar com o valor cobrado, entre em contato com a Secretaria da Fazenda do seu estado e peça uma revisão da solicitação feita. 

Para onde vai o meu dinheiro?

Anteriormente, a TRU era um imposto que garantia a implementação do dinheiro arrecadado na pavimentação, manutenção e demais melhorias nas vias brasileiras. Porém, quando o IPVA passou a vigorar, o montante passou a ser dividido entre os Governos Municipal, Estadual e Federal.

Então, o IPVA, diferentemente do TRU, não aplica o recolhimento, necessariamente, em melhorias para estradas e/ou ruas. A quantia arrecadada é partilhada entre o Município, Estado e Governo Federal. Sendo assim, eles, no entanto, aplicarão o valor conforme a necessidade — seja em saúde, mobilidade, educação etc.

Dessa forma, os governos podem investir o valor onde as necessidades são mais acentuadas, como segurança pública, educação, saúde e em outros serviços que são destinados à sociedade, não se restringindo apenas à pavimentação das estradas. 

O que acontece se eu não pagar o IPVA?

Muitas pessoas acreditam que, caso não paguem no momento certo, o governo poderá atribuir alguns descontos ou até mesmo perdoar a dívida do IPVA. Isso é um engano! Não quitar esse imposto pode provocar muitas dores de cabeça, além de consequências mais graves, como a inadimplência, por exemplo.

Quanto mais o tempo passa, maior vai ficando a quantia que deve ser paga ao governo, isso porque ele inclui juros e multas em cima do valor em dívida, causando, assim, a longo prazo, uma bola de neve. Esse é um dos maiores motivos para que você se planeje e realize o pagamento sempre dentro do prazo estabelecido. 

Como se não bastasse, quando o cidadão não realiza o pagamento de impostos desse tipo, ele contrai a chamada dívida ativa, que é um cadastro do governo em que estão reunidas as dívidas públicas, como o IPTU, multas de trânsito, o próprio IPVA, dentre outras. 

E aí, gostou de aprender mais sobre o IPVA 2021 PR? Se sim, aproveite e leia também: o que é e como funciona a CNH Digital? Boa leitura!

Por |2021-07-06T18:07:05-03:0010 de fevereiro De 2021|Categorias: Dúvidas|0 Comentários

Deixe um comentário!